Iniciantes bitcoin

Iniciante no mundo das criptomoedas? Não cometa esses 3 erros

Se você pretende entrar no mundo das criptomoedas deve ficar atento para não cometer erros e frustrar os seus sonhos. Errar é algo muito comum entre os investidores iniciantes, mas existem algumas questões que precisam ser evitados e, após ler este artigo, você já estará um passo à frente e direcionado para investir no mundo das criptomoedas.

Muitos investidores que estão iniciando no mundo das criptomoedas digitais cometem erros o tempo todo, o que acaba deixando seus recursos de criptomoedas completamente desproporcionais, causando perdas financeiras. Continue lendo o nosso artigo para você saber mais sobre como se tornar um mestre em blockchain.

Pegar dinheiro empréstimo para investir

Um erro comum é pegar dinheiro emprestado com um banco para investir em criptomoedas. Compreensivelmente, a criptomoeda é um mercado volátil que existem riscos, principalmente com perdas do que investiu. Então, o primeiro passo para quem quer ser um investidor é não comprometer suas finanças tirando dinheiro de onde não tem para investir. Não se investe com dinheiro de terceiros, até que se prove o contrário e você não tenha quitado esse dinheiro não lhe pertence.

Vender por um valor muito baixo

O primeiro erro que muitos iniciantes cometem é comprar na alta e vender na baixa, que é exatamente o oposto do que um investidor de criptomoedas deve fazer. Você terá que comprar na baixa e vender na alta para obter lucro. Investidores novatos muitas vezes cometem o erro ao não saber interpretar o gráfico.

Por exemplo, se eles observam o preço da criptomoeda subir como um louco, eles veem isso como um sinal do momento aparentemente perfeito para comprar criptomoeda. Mas, como em muitos casos, no dia seguinte, o preço cai, o que não significa necessariamente que a criptomoeda despencou e que o investidor potencialmente perdeu dinheiro, a menos que o venda.

No entanto, é comum entre os investidores iniciantes assistir a esses retrocessos e entrar em pânico, o que os leva a vender sua criptomoeda. Consequentemente, eles perdem dinheiro porque o gráfico mostra a recuperação no dia seguinte, e essa tendência flutuante sempre irá continuar.

Então, a questão é: o que os investidores novatos em criptomoedas devem fazer? A solução para este problema é que investidores iniciantes devem pensar o contrário. Sempre que eles veem um “aumento”, nunca é o momento ideal para comprar criptomoedas. Antes cair no mundo das moedas digitais, deve-se esperar que as coisas normalizem.

Comprar criptomoeda porque é barato

Outro erro comum cometido por muitos investidores iniciantes em criptomoedas é comprar muito “barato”. Normalmente, sua lógica gira em torno de um certo processo de pensamento em que eles pensam que investirão em “lite coin”, por exemplo, apenas porque é muito mais barato que o bitcoin mais vendido. E se a moeda digital mais barata chegar ao preço do bitcoin, eles acreditam que isso lhes renderá um enorme lucro.

O problema com tudo isso é que os investidores geralmente olham apenas para o preço unitário da criptomoeda mais barata, em vez de analisar a imagem maior de todo o valor do mercado de criptomoedas. A solução é que sempre que você olhar para o preço unitário, dê uma olhada também no valor de mercado que basicamente é igual ao preço (unitário x oferta).

Comparar os diferentes tipos de criptomoeda dessa maneira torna mais fácil para os investidores iniciantes determinar a plausibilidade de uma criptomoeda e se ela ultrapassará o valor do bitcoin, apesar de ser mais barato no momento.

Conclusão

Basicamente, esses são os três erros cruciais que todo investidor iniciante no mundo da criptografia comete ao entrar nesse mundo complexo. Se você nunca cometeu nenhum destes erros, parabéns. A partir de hoje você saberá como lidar com esse mercado sem se precipitar. Conte mais na caixa de comentários a sua experiência com criptomoedas. Vamos compartilhar essa experiência. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.